Nutrição comportamental na infância

Objetivos

O curso apresentará bases teóricas sobre os pilares da nutrição comportamental na alimentação infantil; fatores biológicos, comportamentais e familiares envolvidos na formação dos hábitos alimentares e na capacidade de autorregulação energétiaca e como trabalhá-los na prática. Expliciatará como aplicar na prática clínica o modelo de divisão de responsabilidades de Ellyn Satter e como usar os princípios da técnica de entrevista motivacional e seu uso com pais e cuidadores. Espera-se que o aluno compreenda os fatores biológicos, comportamentais e familiares que influenciam a alimentação da criança, entenda como trabalhar com o modelo de divisão de responsabilidades da alimentação entre pais e filhos e saiba como usar estratégias além da prescrição dietética para orientar famílias sobre a alimentação infantil.OBJETIVOS: o curso tem como objetivo ampliar a visão do nutricionista em relação à alimentação infantil e entender como a abordagem da nutrição comportamental pode contribuir para a promoção de comedores competentes.

Nível:
Intermediário
Público-Alvo:
Nutricionistas
Número de Aulas:
10
Carga Horária:
3 Horas
Local:
Online

DIFERENCIAIS

Certificados

Todos os cursos emitem certificado pela carga horária cumprida. O certificado estará disponível para download, imediatamente após a conclusão do curso. Suas horas poderão ser somadas para o processo de certificação pelo Instituto Nutrição Comportamental.

(Para garantir seu certificado é necessário completar 100% das aulas).

Disponibilidade

O acesso ao material e aulas do curso estará liberado por 180 dias após a compra (este período não será estendido). Ferramentas serão disponibilizadas em PDF para extração durante este período.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

1

Princípios da nutrição comportamental no atendimento a crianças

2

Formação das preferências alimentares

3

Capacidade de autorregulação energética

4

A importância dos pais na formação e no desenvolvimento dos hábitos alimentares das crianças

5

Modelo de divisão de responsabilidades e como trabalhar a aceitação alimentar

6

Abordagem da nutrição comportamental na prática clínica - divisão de responsabilidades e consumo de guloseimas

7

Prática clínica com divisão de responsabilidades e como trabalhar beliscos e fome emocional

8

Como trabalhar o resgate dos sinais de fome e saciedade

9

Como conversar com os pais usando a Entrevista Motivacional

10

O consultório de nutrição pediátrica sob a abordagem da nutrição comportamental

maria-luiza

Maria Luiza Petty

Nutricionista formada pela FSP-USP, mestre e doutora pelo programa de Pós-Graduação em Nutrição da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Aprimorada em Transtornos Alimentares pelo curso avançado do AMBULIM (IPQ-HCFMUSP). Colaboradora do PROTAD AMBULIM-HC-FMUSP. Membro do GENTA. Possui formação em Gastronomia pelo Centro Universitário Senac e Institute Paul Bocuse (França). Autora do livro Lugar de Criança é na Cozinha. Parceira do Instituto Nutrição Comportamental.

Nutrição comportamental na infância, garanta já sua vaga!